Na manhã da última sexta-feira (01/12), no auditório da Defensoria Pública de Minas Gerais, foi realizada a solenidade em comemoração aos 20 anos de criação do Conselho Superior da DPMG. O evento reuniu membras e membros que participaram da primeira composição do órgão da Administração Superior. A ADEP-MG esteve presente na solenidade com a participação de diversos diretores.

 

Previsto na Lei Complementar 65 de 2003, que organizou a estrutura da Defensoria Pública, o Conselho Superior começou a tomar forma poucos meses depois. No dia 18 de dezembro de 2003 foi realizada a eleição para a primeira composição do órgão e quatro dias depois foram empossados os primeiros integrantes do Conselho Superior. No dia 23 de dezembro de 2003 foi realizada a primeira sessão.

 

Compuseram o primeiro Conselho Superior as defensoras Marlene Nery, Júnia Roman, Beatriz Monroe, Andréa Abritta e Maria da Consolação, e dos defensores Glauco de Oliveira, Ricardo Sales, Egberto Batista, Gustavo Corgosinho, Ozias Dolabella, José Calvet Neto e Vicente Pereira.

 

Conselheiro eleito com o maior número de votos naquela época, o defensor público associado Glauco David falou em nome do grupo que compôs o primeiro Conselho Superior. Em sua fala, o defensor relatou as dificuldades enfrentadas e as conquistas que permanecem até hoje.

 

“Tive a oportunidade de ter partilhado com esses valorosos colegas aquelas primeiras lições, aquelas primeiras decisões daquelas primeiras normatizações, todas tiradas do zero. Nós não tínhamos nenhum material de apoio, nenhum tipo de referência, e fomos produzindo aquilo com a força do nosso talento, da nossa dedicação horas e horas, descobrindo, errando e corrigindo, mas com muita coesão vontade de acertar e sobretudo, sem falta modéstia, com muita competência, porque muito daquilo que foi feito permanece em vigor e eu não tenho dúvida em afirmar, sem parecer pretensioso, que nós de certa forma construímos as bases da Defensoria Pública que temos hoje”, disse.

 

Fotos: Marcelo Sant’Anna/DPMG

Outras notícias